Queridas Madames Amélias…

A mandioca passa longe do seu cardápio pela fama de fazer engordar??? Pois fique sabendo que você pode estar perdendo uma ótima aliada para potencializar a perda de alguns “quilinhos”.

Brasileiríssima, a mandioca – também conhecida como aipim ou macaxeira – é um tubérculo fonte de carboidrato, que contém grande quantidade de amido, razão pela qual traz muitas vantagens para quem deseja conciliar saúde e boa forma.

Por ser rica em fibras, a mandioca faz com que o carboidrato seja transformado em energia aos poucos, promove maior sensação de saciedade, auxilia na digestão, possui antioxidantes que combatem o envelhecimento precoce e por conter baixo índice glicêmico traz saciedade!

Além disso, a mandioca é rica em cálcio, ferro, potássio e fósforo; é fonte de vintamina C e vitaminas do complexo B, além de ser fonte de saponinas (substância eficaz contra o colesterol e com ação antioxidante). Ah, a mandioca também aumenta os níveis de serotonina (neurotransmissor que age nas regiões do cérebro, responsáveis pela sensação de bem estar).

A batata inglesa, por sua vez, perde para mandioca quando se trata de índice glicêmico e carga glicêmica. A mandioca tem o índice glicêmico de 46 enquanto a batata é 85, isso significa que a batata possui maior capacidade de aumentar a insulina, o que gera um maior acúmulo de gordura e aumento de peso.

Bom, agora que vocês já sabem que a mandioca é sua amiga, que tal substituir a velha receita de Nhoque de Batata pela saborosa receita de Nhoque de Mandioca? Fácil e prática, você pode fazer essa receita e servir na hora ou congelar os nhoques – cozidos ou crus – por até 3 meses…

Ingredientes:
2 xícaras de mandioca cozida
1 ovo
1 colher de café de sal
1/2 xícara de amido de milho

Preparando a massa: depois que a mandioca esfriar, amasse-a com um garfo. Coloque a mandioca amassada numa bacia e misture o ovo, o sal e vá acrescentando o amido até ficar consistente.

Modelando os nhoques: polvilhe a bancada com um pouquinho de amido de milho ou farinha de trigo e, usando as mãos, faça rolinhos de cerca de 1 cm de diâmetro. Depois, corte os rolinhos a cada 2 cm. Você pode usar a largura do seu dedão como medida!

Cozinhando: leve uma panela grande com água ao fogo alto. Assim que a água ferver, coloque cerca de 10 nhoques na água fervente e deixe cozinhar até subirem à superfície. Retire os nhoques escorrendo bem a água com uma escumadeira. Coloque os nhoques no refratário em que deseja servir ou diretamente no prato. Regue com molho de tomate (receita aqui!), salpique cheiro verde por cima ou enfeite com folhas de manjericão e está pronto para servir!

Sugestão de molho: para nhoque ao molho à bolonhesa, refoque carne moída de patinho no alho e na cebola, tempere à gosto e acrescente o molho de tomate. Fica uma delícia!!!

Com carinho, Nutri!

Nutricionista Letícia Sócio - Vida saudável - Blog Madame Amélia