Ooi, Madames Amélias!!!

Tudo bem com vocês? E aí, como anda o casamento? A vida a dois, o companheirismo, a fidelidade, a vida sexual… seu casamento está em dia?

A vida de casada requer muitos cuidados! É como uma planta, que precisa ser regada e colocada ao sol diariamente, depois recolhida para a sombra! Precisa de nutrientes, adubo e vez ou outra de ser podada.

Parece óbvio, mas nem todo casal sabe disso! Tenho sido procurada por mulheres que abrem seus problemas conjugais comigo e, na maioria absoluta dos casos, o problema está na ausência de cuidado, sabedoria, dedicação e prudência – de uma ou ambas as partes – com a planta que possuem em comum, o casamento!

Não existe casamento perfeito, não existe casal sem problemas ou diferenças de opinião, mas existe, sim, a possibilidade de superar tudo em amor e desfrutar um casamento feliz, saudável e que satisfaça aos dois! E, embora seja trabalhoso, não é tão difícil quanto parece.

E já que a proposta do Madame Amélia é falar do universo feminino e doméstico de forma simples e descomplicada, um dos assuntos que abordarei com frequência é CASAMENTO, que julgo ser um dos assuntos mais importantes…

… afinal, se o casamento não vai bem, não há corpaço, look divo e make poderosa que sustente a relação; nem viagem paradisíaca, mesa bem posta, comida chique e decoração arrojada que sustente o lar.

Sem contar que se o casamento vai mal, os filhos também vão mal! Por maior que seja a maturidade e a normalidade com a qual muitos filhos encaram o casamento desestruturado ou o divórcio dos pais, não se engane: eles sofrem, se entristecem e suas vidas ficam marcadas para sempre!

Meus pais, com a graça de Deus e devido à dedicação e zelo de ambos, são casados até hoje e vivem bem… mas dentro da minha família há casos de casamentos desfeitos que além de afetarem os filhos, afetam a família inteira! Então eu sei bem do que estou falando!

Aliás, conheço muitooos adultos que até hoje não superaram o divórcio dos pais. Ao contrário, a falência do casamento dos pais reflete diretamente nas escolhas, relacionamentos e no casamento de quase todos esses adultos… e tudo isso reflete na sociedade como um todo!

Falando nela, não dá para negar que a sociedade relativizou e deixou, há décadas, de prezar pela solidez das famílias! É triste. Lamentável. Desesperador. Mas nós podemos andar – e viver – na contramão da regra, pelo nosso bem e pelo bem comum!

Uma sociedade sem famílias emocional, espiritual e psicologicamente saudáveis não subsiste! Quando uma família vai mal, seus reflexos no meio em que convivem não são bons… e, de alguma forma, isso afeta a mim e a você!

É pensando em nossos casamentos, nossos filhos, na sociedade atual e nas gerações que estão por vir que, baseada em princípios cristãos compartilharei palavras, conselhos e dicas práticas que podem transformar nossa vida conjugal e nosso lar em um canal de bênçãos!!!

Por um mundo com casais felizes, filhos emocionalmente seguros e lares bem sucedidos!!!

Fiquem à vontade para sugerir temas! Aguardem o próximo post…

Beijão da Katy!

Blog Madame Amélia _ Katiúscia Farias Gutterres